segunda-feira, 12 de maio de 2014

PodQuest #75: Nintendo e a Polêmica sobre Tomodachi Life

PodQuest de volta à ativa com time completo! Fernando, Rafael e Gilliard se reúnem para falar sobre a polêmica criada pelo novo game de simulação Tomodachi Life, sobre o fato de que a Nintendo não implementou relacionamentos entre Miis do mesmo sexo. Os Questers discutem também os últimos lançamentos como Dark Souls 2 e Child of Light.

Leia aqui um texto interessante com a opinião do jornalista Christian Nutt sobre a mais nova polêmica da Nintendo.

Participe também da promoção Copa do Mundo 2014 do PodQuest! Você pode ganhar uma cópia autografada do game oficial FIFA World Cup 2014 Brazil para a sua plataforma preferida (Playstation 3 ou XBox 360). Ouça o episódio ou leia este post para saber como participar!

Ouça diretamente no link a seguir:

PodQuest #75: Nintendo e a Polêmica sobre Tomodachi Life
(botão direito, depois "salvar como" para baixar)

Ou ainda, adicione o feed e tenha todos os episódios quando quiser!
http://feeds.feedburner.com/doublejump/podquest
No iTunes, vá em "Advanced - Subscribe to Podcast" e cole o endereço acima.

Ouça e comente! Se preferir, entre em contato por e-mail em contato at thepodquest dot com ou pelo Twitter em @ThePodQuest.

9 comentários:

Kleber Barros disse...

Me desculpem pelo que vou dizer

Mais um cast sobre a nintendo! Porque essa fixação com a nintendo? serio, que relevancia tem a nintedo no contexto geral? Eles são japoneses! Lá na terra deles tem jogo que simula estupro e todo tipo de bizarrices. Talvez a ausencia de relacionamentos homoxesuais seja tenha apenas um unico significado: Japão, as pessoa mal se beijam em publico, como vão fazer um jogo sobre homoxessuais? seria igual a pedir um jogo nazista nana alemanha ou um jogo de politicos honestos no brasil.

os temas dos proximos casts vão ser sobre a etinia da Zelda, porque a nintendo só tem princezas brancas, porque o Mario esmaga as tartarugas se elas obiviamente estão no seu habitat natural(afinal de contas nenhuma delas fez nada para merecer isso).

Eu pessoalmente gosto de assuntos relaciomnados a temas tecnico, culturais, praticos, historicos... ou qualquer coisa que eu não possa descobrir sozinho!

Outro podcast datado que eu nunca irrei ouvir novamente porque não quero ficar ouvindo sobre augo que aconteceu no passado sem sentido e sem explicação!

continuo ouvindo casts antigo em loop, melhor que ouvir mais uma vez sobre a quase falida nintendo e um jogo bizaro do japão. Imaginem que o jogo podesse ter relacionamento homoxesuais como você se sentiria se seu "bonequinho" começasse a namorar o do seu filho? serio que vocês abrirão um cast pra falar desta "polemida"?

Kleber Barros disse...

Pode fazer cast contando dia-a-dia de vocês ai no canada, nesse mundo de sonhos. Eu ouço um podcast ai do canada com uns brasileiro (chama Canada para brasileiro) e eles em todo cast contam a temperatura e como estão as coisas, muito mais interessante que a lastimavel situção da emprensa especializada em noticiar esses casos bizarro. É tudo PageView.

Agora imaginem auguem procurando no Google e cair no podcast de vocês por causa de um desses temas bizarros? Eu encontrei pesquisando sobre podcasts de desenvolvimento de games, mas ultimamente vocês tem deixado a parte de desenvolvimento cada vez mais de lado. Eu escuto esse podcasts que falam sobre bobagem mais nem um deles se dedicou tanto a explicar augo tão "Nintendo"

Kleber Barros disse...

outros podcasts já falam essas besteira. A maioria só repete...

eu sei que você não ouvem outros podcasts, mas não sei o que esperar de vocês.

talvez seja só babaquice minha, mas eu vejo esses podcasts de fofoca esbarando e as vezes ate comentando ou trazendo convidados que são desenvolvedores, e agora vocês falando fofocas da industria e só coisas amplamente divulgas na midia especializada, nem uma novidade kkk

Kleber Barros disse...

não entendi o titulo do Cast. parrece que vocês vão falar de dois assuntos mais só comentam sobre um e de forma bem suferficial. tá parecendo quickquest

Andre Nunes disse...

Pessoal, eu conheço uns pistoleiros aqui no Brasil, então, se quiserem, é só pedir...
Agora, sério: muito boa esta questão do que o poder da internet pode fazer com uma decisão de design (ou falha, vai saber o real motivo). Me lembrou a confusão sobre o final de Mass Effect 3, onde algumas pessoas querem alterar um jogo porque ele não ficou de acordo com suas expectativas. É difícil ouvirmos críticas deste tipo em filmes , mas acredito que seja pq nosso contato com jogos acaba sendo mais pessoal, já que estamos tomando as decisões do personagem e não somente assistindo uma obra, não é?

Kleber Barros disse...

Só pra constar esse jogo tambem é só de assitir, né?

Você no maximo cria o bichinho, depois fika esperando. Eu não joguei, mas foi o que eu entendi...

---------------------------

E SE o jogo permitisse relacionamentos homossesuais? será que as crianças poderiam jogar normalmente?

-Papai, olha o meu mii tá beijando o seu na boca!

-Mamãe, minha mimi casou com uma amiginha da escola, ela pode vir dormir aqui hoje?

Realidade ou fição? Pode me chamar de preconceituoso, mas esse jogo é infantil.

Edward Facundo disse...

Kleber, não entendi muito bem suas críticas. Acompanho o PodQuest a um bom tempo e não vejo eles fixados assuntos polêmicos como muitos outros podcasts sobre jogos - dando sua opinião como jogadores - e nesse caso acho super válido vindo de DESENVOLVEDORES e essa relação entre decisão do design(game) e das vendagens e aceitação de mercado. Obviamente, como tudo na vida, você pode discordar do posicionamento mas insuflar quanto a discussão CONSTRUTIVA aí é completamente diferente.

Como eles já deixaram claro, MUITAS VEZES, eles fazem o podcast como um hobbie e não como uma atividade comercial, compartilham informações extremamente úteis do ponto de vista mercadológico e fazem tudo isso For Free, porque essa crítica taxativa como se o podcast se resumisse a suas poucas considerações ? ( diga-se de passagem que sua crítica maior parece ser à Nintendo do propriamente ao Cast ).

Parabéns pessoal do Podcast pela volta, é minha impressão ou o Fernando Secco trocou o microfone? ficou bem mais claro a voz dele.

Abraços

Kleber Barros disse...

ok, isso é a internet e é facil achar que uma pessoa esta sendo extremista. Sabe o que dizem das pessoa que você gosta: critica é uma maneira de demostrar importancia, não é a melhor... mas é assim que eu penso... as vezes.

Eu não sou nem um especialista, mas acompanho auguns sites e pods sobre games, a maioria não deu tanta importancia para um jogo de criança vindo do japão, ainda mais da nintendo. Ao mesmo tempo que aconteceu essa noticia, ouveram outras. A industria não parou para discutir a polemica da nintendo.

Gosto da nintendo, do mario, zelda, etc, mas resolvi manifestar minha opnião sobre o pod assim de maneira menos construtiva, porque é assim que eu penso... infelizmente sou oito ou oitenta. Eu prefiro 10x mais um podcast com um tema ou entrevista, de que sobre noticias.

Edward, serio que denovo essa historia de que porque fazem de graça? Quer dizer que se fosse pago você tambem criticaria? Quando o pod é bom eu falo mesmo. ainda ouço os episodio antes do 72. Acho que eles voutaram meio diferentes. Não entendo... talvez seja só nostalgia, mas antes eles tinham um bloco de noticias, agora é o pod inteiro.

P.s. #VoltaQuickQuest

Ricardo disse...

vamos falar do que importa será que vai ter mais podquest? Independente disso, até aqui vários episódios ótimos, nada como ouvir gente que fala baseado em experiência.