segunda-feira, 28 de maio de 2012

QuickQuest #26: E o QA, Velhinho?

No QuickQuest dessa semana, Fernando Secco fala um pouco sobre o papel do profissional de Quality Assurance, mais conhecido como QA ou Tester na industria de games. Testar não é somente jogar e clicar por tudo. Confira mais nesse episódio do QuickQuest!


Faça perguntas e sugira assuntos para os próximos QuickQuests pelo e-mail contato@podquest.com.br ou no Twitter @ThePodQuest.

Ouça diretamente no player abaixo:



Ou no link a seguir:
QuickQuest #26: E o QA, Velhinho?
(botão direito, depois "salvar como" para baixar)

Ou ainda, adicione o feed e tenha todos os episódios quando quiser!
http://feeds.feedburner.com/doublejump/podquest
No iTunes, vá em "Advanced - Subscribe to Podcast" e cole o endereço acima.

4 comentários:

Marcelo Martins disse...

Grande Fernando,

Acho que ainda existe um mito de que o pessoal que trabalha com QA é pouco qualificado e você provou com seu exemplo da BioWare que isso não é verdade.

Quando o QA não foca somente em achar defeitos de software e passa a se preocupar com a experiência de jogo, o trabalho se torna muito mais importante e complexo. O profissional que tem capacidade de fazer isso precisa ser realmente sênior e tem de ter uma visão completa de como funciona um jogo.

Claro que nem todos os testadores terão todo esse conhecimento no início da carreira, mas acho que se a mentalidade for diferente, os resultados também serão. Em vez de se preocupar somente em navegar no jogo para ver se tudo está no seu lugar, que tal se perguntar se a experiência de jogo está realmente boa? O que pode ser melhorado? Qual foi a sensação dele como jogador?

Agora, uma dúvida, existe escola/qualificação para esse tipo de QA?

Lucs disse...

pô, eu tava lendo um post no blog da Bioware (todo empolgado e feliz depois das novidades multiplayer no ME3) quando descubro que o tal maluco da entrevista era brasileiro e descubro esse site bacanudo.

é, eu meio que fugi do post,mas eu vim parabenizar o pessoal e o Fernando Secco e sua entrevista.

Fernando Secco disse...

@Marcelo
Então Marcelo, não acredito qye exista escola, acho que o cara chamou responsabilidades e as idéias que ele teve fizeram sentido e salvarsm tempo, acho que é experiência e gostar doque faz :).
Pois é cara, pegar o quevo QA faz de melhor e aplicar a outras áreas me parece que faz sentido, queria saber como a gente não pensou nisso em outras ocasiões. Talvez não se aplica sempre.

@Lucs
Valeu cara :) espero que goste do site, tem muita coisa bacana nos pod casts. Aproveite e traga os amigos!

Leandro Vian disse...

Salve Secco,

Muito legal ver tua experiência em relação a QA, da pra perceber que como em qualquer área de atuação, o profissional que atua e realmente gosta do QA vai fazer um trabalho muito superior do que alguém que chegou ali só por achar gostar de jogar
ps: Como o Lucs falou, muito boa tua entrevista, legal contar sobre teu sobrinho te dando idéias de jogos, acho que tu já tinha comentado em um podquest isso também. :)

abraço