terça-feira, 10 de março de 2015

PodQuest #92: Um Real Engine



No episódio de hoje: GDC 2015, Unreal Engine e Unity 3D Pro de graça, Valve fazendo graça com o Source 2.

PodQuest #92: Um Real Engine
(clique para ouvir, ou botão direito, depois "salvar como" para baixar)

Adicione o feed e tenha todos os episódios quando quiser!
http://feeds.feedburner.com/doublejump/podquest
No iTunes, vá em "Advanced - Subscribe to Podcast" e cole o endereço acima.

Ouça e comente! Se preferir, entre em contato por e-mail em contato at podquest dot com dot br, na nossa página no Facebook, ou pelo Twitter em @PodQuestBR.

7 comentários:

Marcos Carvalho disse...

O grande clássico, Castlevania: symphony of the night.

Episódio muito bom, gostei bastante do tema (e aguardarei os próximos desse mesmo tema).
Concordo totalmente com vocês, mas um ponto que queria ressaltar é o que o Secco também tocou.
Ano passado quando a UE4 foi liberada para assinatura com o código fonte incluído, dei pulos de alegria, não poderia estar mais feliz, finalmente eu conseguiria ver como a galera que esta no Olimpo do desenvolvimento de games escrevia códigos, como era o padrão de codificação de uma das ferramentas que vários dos meus games preferidos utilizavam.
E mesmo entendendo pouca coisa, mas só de já saber que tem todo um "playground" a ser desbravado, me sinto cada vez mais impelido a continuar investindo na área de desenvolvimento.

Um abraço galera do PodQuest.

Marcelo Martins disse...

Muito legal esse episódio. Informativo e divertido, como sempre.

Achei bem legal o comentário do Rafa sobre a profissão de “dar ideias”. Concordo 100% com o que ele falou. Um profissional desse tipo na verdade é um game designer/programador/produtor/artista muito experiente e que saberia botar a mão na massa para colocar a sua ideia em prática. Ele não faz isso porque tem uma equipe que pode ajudá-lo(a).

Também concordo 200% com o Gilliard quando ele fala que quem entende de games como jogador não será necessariamente um bom profissional de produção de jogos. Eu me lembro de ter essa impressão quando comecei a tocar em bandas. Eu pensava: “Se eu consigo tocar músicas da banda X, Y, então consigo criar coisas parecidas”. Esse pensamento realmente é muito distante da realidade.

Ouvindo o comentário do Secco sobre o Source 2 e também fazendo um link com essa novidade de engines gratuitos, tenho uma sugestão de assunto para um podcast. Vocês poderiam convidar alguém com experiência no mercado indie pra falar sobre os desafios hoje. A indústria de jogos é muito dinâmica e mesmo com as facilidades de um engine gratuito, talvez os desafios de se criar jogos sejam ainda maiores.

Brauller disse...

Caras, me perdoem...Eu sou um dos que "pediu emprego". To muito envergonhado.

Mas depois que escutei o podquest #91 e passou alguns dias, eu percebi antes mesmos de vcs comentar sobre o assunto, que eu estava fazendo algo que não estava certo em pedir emprego.

Tirando o fato de que a industria de games aqui é to aquilo que vcs falaram, no meu caso que trabalho com arte existe outro fato: Meu portfólio é muito ruim.

Se formos melhor, acho que será quase lógico em que trabalharemos em uma empresa melhor e talvez até fora do Brasil.

Hj vou voltar a origem de que temos que utilizar as dificuldades pra poder amadurecer e passar pelos desafios que essas pequenas empresas brasileiras nos mostram.

Eu aprendi bastante nos ultimos anos. Mas não o suficiente para estar em uma empresa melhor.

Se eu fosse bom não estaria onde estou hj.

Bom esse é meu caso nessa semana que passou: Sou ruim e preciso ser excelente na minha área.

Valeu galera do podquest.

Ps: Vcs poderiam fazer um podquest voltado para artistas 2D/3D? Sobre dificuldades, caminhos a se seguir etc.

Bom, é isso =) Abraço!

Felipe Bacelar disse...

Comentando apenas para deixar a resposta do quizz. O jogo em questão é o excelente Castlevania: Symphony of the Night. Um abraço a todos e parabéns pelo ótimo trabalho!

Diego Prestes disse...

A musica do quiz é o Castlevania Symphony of the Night

Gene disse...

Não podia deixar de comentar que a música de castlevania Symphony of the Night

Bruno disse...

Ah, Alucard, what is your business here?